PROJETO DISCOGRÁFICO

 

O Quarteto Tejo foi o vencedor do Prémio Jovens Músicos 2019 que proporcionou a gravação de um álbum, o primeiro dos músicos, um desafio que focou o grupo na definição da sua identidade artística e dos valores que promove enquanto agente cultural. O Quarteto decidiu então fazer um álbum 100% português, cujo programa desejamos levar aos palcos durante o próximo ano.

A qualidade das obras, conjugada com a experiência multicultural do quarteto, acentuou o nosso sentido de missão, resultando na vontade de descobrir, interpretar e difundir música portuguesa de excelência.

Propomos duas obras de Luís de Freitas Branco e de Joly Braga Santos, protagonistas da história da música portuguesa do século XX.

A concretização deste projeto está parcialmente assegurada pelos apoios da Fundação GDA e da Editora Decurio, ambas investidas financeiramente na produção do mesmo. Por fim, iremos concretizar o montante final com o apoio do nosso público mais próximo, aqueles que seguem o nosso trabalho e acreditam no futuro do grupo. Assim, adoptámos uma iniciativa de Crowdfunding que envolverá na primeira pessoa no processo de gravação e difusão do CD aqueles que decidirem ser parte dele.